Cuiabá está entre as principais cidades inovadoras em ranking elaborado pela Bright Cities

“Cuiabá, mais uma vez, é destaque na vitrine nacional, onde recebeu uma premiação de tamanha magnitude”

*Por Amanda Garcia

Cuiabá está entre as 150 cidades brasileiras inovadoras em ranking elaborado pela Bright Cities, plataforma que realiza diagnóstico para cidades. No levantamento, a capital mato-grossense aparece na 86ª colocação nacional e na 1ª estadual.

A plataforma trabalha com mais de 100 indicadores relacionados à ISO 37120 e, no que diz respeito ao ranking de cidades sustentáveis, a pesquisa é embasada em 40 dos 100 indicadores desta ISO de padrão internacional, que estabelece indicadores e metodologias para medir e avaliar o desempenho dos serviços e da qualidade de vida em áreas urbanas, certificando que a cidade monitora os indicadores respaldados pelas devidas evidências para uma cidade sustentável.

Ao todo, o balanço é formado por 5 pilares – prosperidade, gestão, bem-estar, segurança, infraestrutura e serviços básicos. O pilar de prosperidade, por exemplo, é formado pelas áreas de economia, inovação, infraestrutura e condições sociais. O de bem-estar engloba as áreas de educação, saúde, cultura e meio ambiente.

Para atingir esse objetivo, são necessários sistemas de avaliação e monitoramento de indicadores, direcionando políticas públicas e investimentos, possibilitando comparações entre cidades e a reprodução de boas práticas.

Quando se trata de Cuiabá, em junho deste ano, a gestão de Emanuel Pinheiro recebeu seis honrarias relacionadas a práticas de gestão.

Só na premiação ‘Cidades Excelentes 2024’ foram três, devido a avanços significativos em importantes setores: Educação, Infraestrutura e Mobilidade Urbana, e Sustentabilidade. Denominado de ‘Prêmio Band Cidades Excelentes’, a honraria foi uma iniciativa do Grupo Bandeirantes em parceria com o Instituto Áquila, que tem por objetivo reconhecer, incentivar, disseminar e valorizar práticas exemplares de gestão pública em todo o território nacional.

Além desses, Cuiabá também foi premiada no II Prêmio Qualidade da Informação Contábil e Fiscal 2024, entregue pela Secretaria do Tesouro Nacional/Ministério da Fazenda, no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), em Brasília.

Na ocasião, a gestão de Emanuel Pinheiro obteve o 1º lugar na categoria maior evolução, disparando na frente de capitais como João Pessoa (2º lugar) e Rio de Janeiro (3º lugar), por prezar pela qualidade das informações contábeis e fiscais, representando transparência na aplicação e registro dos recursos públicos.

Ainda em junho, o sistema previdenciário municipal também foi destaque duas vezes no 57º Congresso Nacional da Associação Brasileira de Instituições de Previdência Estaduais e Municipais – ABIPEM. No evento, ocorrido em Belém do Pará, o município foi contemplado em 5º lugar pelo destaque em Responsabilidade Previdenciária e em 10º lugar pela Governança Previdenciária.

“Cuiabá, mais uma vez, é destaque na vitrine nacional, onde recebeu uma premiação de tamanha magnitude, promovida pelo Tesouro Nacional do Ministério da Fazenda. Receber essa honrosa premiação de qualidade da informação fiscal e contábil, colocando Cuiabá no ranking das capitais, demonstra nosso comprometimento com a transparência e o compromisso com a integridade e a fidedignidade das informações publicadas. Isso demonstra a seriedade do nosso trabalho com a nossa população, sendo esse um importante indicador da qualidade da administração pública do nosso município. A premiação visa reconhecer e incentivar os esforços dos profissionais contábeis dos entes federativos em aprimorar a qualidade das suas informações contábeis e fiscais, promovendo um incentivo saudável e destacando as boas práticas na gestão pública”, comemorou o prefeito.

Vale lembrar que, ainda este ano, Cuiabá recebeu pela terceira vez o prêmio de Cidade Vitrine por investimentos em saneamento básico. O prêmio “Casos de Sucesso em Saneamento Básico” foi concedido pelo Instituto Trata Brasil, na Fundação Getúlio Vargas (FGV), localizada em São Paulo.

Atualmente, Cuiabá conta com uma cobertura de 88% da rede de esgoto, conforme os dados mais recentes da concessionária Águas Cuiabá. Com a expansão da rede sanitária e o tratamento do esgoto, mais de 13 toneladas de esgoto in natura por dia deixam de ser despejadas no rio Cuiabá, contribuindo para a preservação da água, um dos recursos hídricos mais importantes do estado e do Pantanal mato-grossense.

“O progresso de Cuiabá no setor de saneamento básico é resultado de uma combinação de fatores, como a gestão eficaz dos recursos hídricos, a instalação de novas redes de coleta e tratamento de esgoto, e a conscientização da população sobre a relevância do saneamento. O compromisso da administração municipal é continuar investindo e aprimorando as políticas públicas de saneamento, atendendo às necessidades crescentes da cidade e promovendo um desenvolvimento mais sustentável, de forma equilibrada e responsável”, reiterou Emanuel.

Powered by WP Bannerize

Deixe uma resposta