Mourão se reuniu com Barroso na última terça-feira, diz jornal

Encontro teria discutido críticas de Bolsonaro ao atual sistema eleitoral

O vice-presidente Hamilton Mourão e o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso, teriam se reunido na última terça-feira (10) em Brasília, mesmo dia em que ocorreu o desfile de veículos militares na Praça dos Três Poderes. A informação foi divulgada neste sábado (14) pelo jornal Estado de São Paulo.

Para justificar a saída dele do Planalto no horário do desfile, Mourão teria alegado a existência de um “compromisso” que o faria se ausentar do local. De acordo com a publicação, a reunião, que teve ares de encontro reservado, não constava da agenda oficial dos participantes e “foi cercada de sigilo”.

A pauta principal seria a anuência das Forças Armadas aos protestos de Bolsonaro sobre as eleições. A resposta de Mourão, segundo o jornal, foi de que a cúpula das Forças Armadas não apoiavam o impedimento da realização de eleições em 2022.

Ainda de acordo com a publicação, “Mourão disse mais de uma vez ao presidente do TSE que quem comandava as tropas” não apoiaria uma ruptura nas eleições do próximo ano. Além disso, o vice teria afirmado “que a chance de isso [as eleições não acontecerem] ocorrer era ‘zero’ porque as Forças Armadas se pautavam pela legalidade’.

Procurados pelo Estado de São Paulo, os dois não quiseram confirmar o teor do encontro.

Fonte: Pleno News (Por Paulo Moura – pleno.news)

Powered by WP Bannerize

Deixe uma resposta