TCE-MT busca aprimorar serviços entregues à sociedade

Na busca pelo aprimoramento dos serviços entregues à sociedade, o Tribunal de Contas de Mato Grosso (TCE-MT) deu início à implantação da governança pública no órgão de controle externo. Conduzido pelo auditor federal de controle e secretário de Planejamento e Governança do Tribunal de Contas da União (TCU), Daniel Luiz de Souza, o pontapé foi dado nesta terça-feira (1º), com a capacitação dos líderes e servidores da Corte de Contas sobre os principais conceitos e elementos relacionados ao tema.

Na abertura da capacitação, realizada na Escola Superior de Contas, o presidente do TCE-MT, conselheiro Guilherme Antonio Maluf, ressaltou que a implementação da governança pública no órgão é um dos principais projetos de sua gestão. “A nossa instituição vai melhorar os processos internos e quem ganhará com isso será a sociedade, poderemos prestar um serviço de melhor qualidade aos nossos jurisdicionados. A governança pública mudará o perfil do TCE-MT”.

O auditor federal Daniel Luiz de Souza também destacou o foco nos resultados entregues ao cidadão. “A governança é fundamental, pois ela faz com que o órgão entregue melhor resultado para o cidadão e o que se espera de um órgão de controle nada mais é do que isso. Então, a gente pensa em juntar todos os recursos que o órgão de controle dispõe para fazer com que a administração pública trabalhe da melhor forma possível e, com isso, consiga entregar os melhores resultados para a população”, explicou.

Coordenador do projeto de implantação junto ao TCE-MT, o secretário-geral da Presidência, Flávio Vieria, lembrou que o objetivo macro do processo é entregar “mais e melhor” para a sociedade, no entanto, também há a perspectiva mais ousada de induzir um modelo de governança pública para o jurisdicionado do Tribunal de Contas.

“Vamos começar aqui. Precisamos sistematizar, organizar, aprimorar e avançar em práticas de liderança, estratégia e controle que nos permitam avaliar, direcionar e monitorar os resultados dessa entrega que pretendemos à sociedade e, depois, vamos convidar os municípios e ajudá-los a implementar no âmbito de suas administrações”, destacou o secretário-geral.

A capacitação no Tribunal de Contas de Mato Grosso será dividida em sete etapas e se estende até 7 de julho. A primeira etapa se encerra nesta quarta-feira (2).

Confira o cronograma do projeto de implantação da governança no TCE-MT:

  • 01 e 02.6, das 14 às 18h
    Apresentação dos conceitos relacionados à governança corporativa;
    Análise do instrumento de avaliação do estágio de capacidade em governança e de gestão;

  • 08.06, das 14h às 18h
    Esclarecimento de dúvidas relacionadas à avaliação do estágio de capacidade em liderança, estratégia e controle (questionário previamente respondido pelos responsáveis, com evidências);

  • 11.06, das 14h às 18h
    Esclarecimento de dúvidas relacionadas à avaliação do estágio de capacidade em gestão de pessoas (questionário previamente respondido pelos responsáveis, com evidências);

  • 15.06, das 14h às 18h
    Esclarecimento de dúvidas relacionadas à avaliação do estágio de capacidade em gestão de TI e segurança da informação (questionário previamente respondido pelos responsáveis, com evidências);

  • 18.06, das 14h às 18h
    Esclarecimento de dúvidas relacionadas à avaliação do estágio de capacidade em gestão de contratação e gestão orçamentária (questionário previamente respondido pelos responsáveis, com evidências);

  • 29 e 30.06, das 14h às 18h
    Análise dos resultados da avaliação do estágio da governança e de gestão institucional;
    Identificação das principais oportunidades de melhoria da governança e gestão institucional;

  • 06 e 07.07, das 14h às 18h
    Priorização das lacunas de governança e de gestão institucional identificadas;
    Elaboração de plano de ação com medidas que podem ser adotadas pelo TCE-MT para aperfeiçoamento do seu estágio de capacidade em governança e gestão.

Powered by WP Bannerize

Deixe uma resposta