ALMT repassará recursos e intermedeia negociação entre HCanMT e a Prefeitura

Com o acordo, hospital de Câncer deve voltar a funcionar na próxima segunda-feira (21)

Após duas reuniões, com a intermediação da Assembleia Legislativa, o Hospital de Câncer voltará à normalidade com atendimentos nesta segunda-feira (21). Na quinta-feira a tarde (17), durante o segundo encontro no Poder Legislativo, o presidente da Casa, deputado Eduardo Botelho (DEM), secretária de saúde de Cuiabá, Ozenira Félix, secretária-adjunta da Secretaria Estadual de Saúde (SES), Danielle Carmona, representantes do Ministério Público Estadual (MPE) e diretoria do Hospital do Câncer (HCanMT), foi acertado que a Prefeitura de Cuiabá vai repassar R$ 3 milhões para a entidade de saúde na segunda-feira.

Ficou averbado ainda que a outra parte do valor devido será paga em janeiro, totalizando R$ 6,6 milhões. A proposta, no entanto, só será firmada após conversa com o prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (MDB).

“A Assembleia intermediou toda a negociação para que o hospital não pare os atendimentos. A situação é muito ruim e resolvemos entrar num entendimento com a Prefeitura de Cuiabá. Neste momento precisamos de união entre todas as partes. Nós entramos num entendimento aqui que a Prefeitura de Cuiabá vai repassar R$ 3 milhões agora para eles, e depois nós vamos resolver a questão dos pagamentos atrasados”, explicou Eduardo Botelho (DEM).

A secretária de saúde de Cuiabá, Ozenira Félix explicou o motivo dos atrasos. “Após uma conversa, houve uma proposta da Assembleia Legislativa, e vamos estudar métodos de realizar o repasse. A sugestão está elaborada e o repasse será de R$ 3 milhões na segunda-feira com o pagamento da primeira parcela. Precisamos acabar com as pendências financeiras envolvendo a saúde. É uma demora porque já existia isso de ficar dois meses, até três em análise, isso já existia. Só que os atrasos se deram porque, com a questão do Covid, houve uma série de outras situações, como parada do pessoal”, revelou ela.

O presidente do Hospital, Laudemi Nogueira, afirmou que neste final de semana o HCanMT continuará fechado, pois o pessoal foi dispensado. Porém, caso seja feito o pagamento, as atividades voltam na segunda-feira.

“O saldo das reuniões foi positivo, com o aval da Mesa Diretora da Assembleia, Secretaria de Saúde de Cuiabá e Hospital do Câncer de Cuiabá. Primeiramente vamos receber R$ 3 milhões da Prefeitura,, depois o repasse será feito pela  Assembleia Legislativa, via secretaria de Estado, na ordem de R$ 3,6 milhões ao município de Cuiabá somente em janeiro para que seja passado ao hospital de Câncer”, acredita ele.

Deixe uma resposta