Trade turístico busca TCE-MT para auxílio em estratégias para desenvolver potencial do Estado

Representantes do trade turístico de Mato Grosso entregaram pessoalmente à Presidência do Tribunal de Contas do Estado (TCE-MT) consulta sobre a possibilidade de “filiação” de municípios à Instâncias de Governança Regionais (IGRs) para promoção do turismo no Estado. O objetivo é criar estratégias para desenvolver o potencial turístico mato-grossense, especialmente em virtude do efeito colateral trazido pela pandemia e pelos incêndios no Pantanal.

A consulta, que ainda deve passar pelo crivo do Pleno do TCE-MT, busca amparo legal para uma possível filiação à Associação da Região Turística Metropolitana Cuiabá/Várzea Grande (Astur MT Convention & Visitours Bureau) para repasse de recursos públicos, que seriam destinados a projetos específicos de promoção do turismo regional, de acordo com o objeto estatutário da entidade privada sem fins lucrativos e de caráter organizacional, promocional e educacional.

Recentemente, a Corte de Contas julgou um Levantamento inédito, realizado pela Secretaria de Controle Externo (Secex) de Administração Municipal do TCE-MT, que analisou o potencial turístico dos 94 municípios mato-grossenses que integram o Mapa do Turismo Brasileiro nas 16 regiões turísticas do Estado (Processo nº 184632/2019 – clique aqui). O processo administrativo buscou identificar as principais divergências e fragilidades existentes na atividade de gestão do turismo dos municípios e do Estado, a fim de propor ações de melhoria.

Na oportunidade, o Pleno do TCE-MT propôs a instauração de processo de auditoria especial, de natureza operacional, no Programa de Regionalização do Turismo dos municípios do Estado de Mato Grosso, compreendendo a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec) e, pelo menos, três regiões turísticas, que abrangem 15 municípios, sendo elas a Região Turística Metropolitana, Região Turística Circuito das Águas, Região Turística Pantanal Mato-grossense.

Participaram do encontro com o presidente da Corte de Contas, conselheiro Guilherme Antonio Maluf, e o secretário-geral da Presidência, Flávio de Souza Vieira, o presidente do Conselho Estadual da Confederação Nacional do Turismo, Jaime Okamura, o presidente do Sindicato Intermunicipal dos Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares do Estado de Mato Grosso e diretor da Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação (FBHA), Luiz Carlos Nigro, o secretário-adjunto de  Turismo do Estado, Jefferson Preza Moreno, a secretária municipal de Turismo de Cuiabá, Iracilda Maria Dantas de Campos, e o secretário municipal de Desenvolvimento Urbano, Econômico e Turismo de Várzea Grande, José Roberto Amaral de Castro Pinto.

Powered by WP Bannerize

Deixe uma resposta