Mourão manda indireta ao STF ao defender Bolsonaro: “Cada Poder tem seus limites”

O vice-presidente fez referência à declaração feita por Bolsonaro no domingo, quando afirmou que “chegamos no limite, não tem mais conversa”.

O vice-presidente Hamilton Mourão surpreendeu no final da manhã desta segunda-feira (04) ao se manifestar em defesa do presidente Jair Bolsoanro, após o mesmo nomear para o diretoria-geral da Polícia Federal o delegado Rolando Alexandre de Souza.

Sempre discreto e muito comedido ao se pronunciar, Mourão dessa vez foi mais explícito ao parecer estar mandando uma indireta para os ministros do Superior Tribunal Federal (STF), relembrando os limites entre os poderes.

“Neste momento em que se procura turvar o ambiente nacional pela discórdia e intriga, é importante deixar claro, como o Presidente Jair Bolsonaro declarou ontem, que ninguém irá descumprir a Constituição. Agora, cada Poder tem seus limites e responsabilidades”, afirmou Mourão.

O vice-presidente fez referência à declaração feita por Bolsonaro no domingo, quando afirmou que “chegamos no limite, não tem mais conversa”, destacando que irá exigir o cumprimento da Constituição Federal no país, no mesmo contexto em que confirmou que nomearia um novo nome para a chefia da Polícia Federal.

O espaço de tempo entre às declarações e o contexto da fala de Bolsonaro e Mourão não deixam dúvidas: os dois mandaram um recado indireto para os ministros do STF no sentido de evitarem qualquer crise institucional entre os poderes. Tensão no ar!

Veja o twitter de Mourão:

“Neste momento em que se procura turvar o ambiente nacional pela discórdia e intriga, é importante deixar claro, como o Presidente @jairbolsonaro declarou ontem, que ninguém irá descumprir a Constituição. Agora, cada Poder tem seus limites e responsabilidades”.

Fonte: opiniaocritica.com.br (Por: Will R. Filho)

Powered by WP Bannerize

Deixe uma resposta