‘Fogo amigo’! Carlos Bolsonaro critica o pai por café da manhã com “jornalistas”

Vereador lamentou que o pai Jair Bolsonaro mantenha rotina semanal de encontros e que tudo o que é dito por lá acaba sendo “tirado de contexto para prejudicá-lo”

Café da manhã com jornalistasMarcos Corrêa/PR

Filho do presidente criticou o encontro semanal com jornalistas realizado no Planalto

Nesta sexta-feira (19), o presidente Jair Bolsonaro realizou mais um dos cafés da manhã com jornalistas no Palácio do Planalto. No evento, que ocorre semanalmente, ele foi questionado sobre diversos temas, como reeleição e até a fome no país, o que acabou gerando algumas frases polêmicas, como “passar fome no Brasil é uma grande mentira”.

Horas depois, o vereador Carlos Bolsonaro usou as redes sociais para criticar o próprio pai, afirmando não entender o motivo de ele manter tais encontros com “jornalistas”, além de afirmar que as declarações acabarem sendo usadas fora de contexto.

“Por que o Presidente insiste no tal café da manhã semanal com “jornalistas”? Absolutamente tudo que diz é tirado do contexto para prejudicá-lo. Sei exatamente o que acontece e por quem, mas não posso falar nada porque senão é “fogo amigo”. Então tá, né?! O sistema não parará!”, disse Carlos.

Briga com o Instagram

Recentemente, Carlos voltou suas armas para a rede social de fotografias, que resolveu ocultar o número de curtidas das publicações. Para o vereador, esta seria apenas uma forma de manter “cartilha ideológica” exaltada pela esquerda.

“As justificativas usadas para não mostrar as curtidas no Instagram, como combate ao bullying e suas derivações são apenas a certeza de que seguem a cartilha ideológica “progressista”. Querem limitar o interesse da informação e criar manipulados como em todos os campos já sabidos”, afirmou.

Na sequência, ele disse que “celebra-se o cerceamento de liberdades” no Brasil e que o país viveu grande risco de acabar como a Venezuela. Por fim, afirmou que a questão sobre o Instagram nada tinha a ver com “ganhar likes ou mexer com o ego”.

“Qualquer idiota sabe que a contagem dos números direcionam o trabalho e geram interesse ou desinteresse sobre o assunto citado. Qualquer ser que pense minimamente sabe que as redes sociais estão mudando diversas direções no mundo. Qualquer comentário fora desta linha é assumida ignorância, inocência ou mau caratismo mesmo. Todos sabem o que vem acontecendo com as redes sociais mais conhecidas no mundo”, finalizou Carlos Bolsonaro.

Fonte: Último Segundo

Powered by WP Bannerize

Deixe uma resposta