França diz não estar pronta para ratificar acordo UE-Mercosul

No dia em que as negociações foram concluídas, em Bruxelas, um encontro do presidente Jair Bolsonaro com o presidente da França, Emmanuel Macron, às margens do G20, no Japão, foi dado como decisivo para destravar a resistência do país europeu

A porta-voz do governo da França, Sibeth Ndiaye, afirmou nesta terça-feira, 2, que, “por ora”, o país não está “pronto” para ratificar o acordo comercial concluído na última sexta-feira entre a União Europeia e o Mercosul.

“Não posso dizer, hoje, que vamos ratificar” o tratado de livre-comércio, disse ela em entrevista à emissora BFM. “Vamos olhá-lo em detalhe e, em função (desses detalhes), decidir.”

Não ficou claro nas declarações de Ndiaye, contudo, de que forma Paris poderia bloquear o processo de ratificação do acordo.

O trâmite passa obrigatoriamente pelo Parlamento Europeu, mas ainda parece estar aberta a discussão sobre se os legislativos nacionais e regionais dos Estados-membros da União Europeia entrariam na jogada.

No dia em que as negociações foram concluídas, em Bruxelas, um encontro do presidente Jair Bolsonaro com o presidente da França, Emmanuel Macron, às margens do G20, no Japão, foi dado como decisivo para destravar a resistência do país europeu, atribuída principalmente à exigência por compromissos do governo do Brasil com a permanência no Acordo Climático de Paris e o combate ao desmatamento.

Fonte: Jovem Pan – *Com informações do Estadão Conteúdo

Powered by WP Bannerize

Deixe uma resposta