Mauro Mendes diz que está aberto à críticas até de Taques

O governador Mauro Mendes (DEM) tem se posicionado sobre as críticas que tem recebido, seja da oposição, do prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB) e até de seu antecessor, Pedro Taques (PSDB). O chefe do Executivo estadual diz que todo cidadão tem o direito de fazer críticas, inclusive a classe política.

Com o discurso constante de recuperação da economia, o governador enfatizou em atendimento à imprensa na manhã de quinta-feira (25) que “existe uma estratégia muito bem montada (…) que está sendo executada gradativamente”.

Sobre Taques ter declarado que em breve começará a fazer suas avaliações sobre o governo atual, Mendes disse que “ele é um cidadão e, como qualquer cidadão, tem o direito de analisar, fazer críticas”.

No entanto, o governador também alfinetou seu antecessor, afirmando que “quem critica está sujeito a receber críticas também”, mas que “isso faz parte da democracia e não tem problema nenhum”.

O governador também foi alvo de críticas de Emanuel Pinheiro, por causa da questão da Santa Casa, após Mendes anunciar que a Secretaria de Estado de Saúde (SES) irá elaborar um plano emergencial para a instituição, porque a Prefeitura não teria feito o documento.

“Eu pedi para a SES elaborar [o plano emergencial]. Ela tem autonomia e liberdade para fazer esse plano, buscando as informações e subsídios necessários. Pode dialogar com qualquer ator, com qualquer um. O diálogo na política é sempre necessário”, explicou o chefe do Executivo.

Fonte: GD

Powered by WP Bannerize

Deixe uma resposta