Período de transformação e reflexão

Mais uma vez o ser humano é convidado a parar e refletir sobre sua fragilidade e pequenez

Temíamos que uma terceira guerra mundial ceifasse a vida dos nossos filhos, arruinasse economias, destruísse países.

Quem diria que em 2020 um bichinho invisível tiraria milhares de vidas, esvaziaria cidades, paralisaria grandes eventos, confinaria grandes líderes em sua casa, paralisaria aviões, derrubaria bolsas de valores pelo mundo inteiro.

Mais uma vez o ser humano é convidado a parar e refletir sobre sua fragilidade e pequenez.

O coronavírus começou pelos grandes: grandes economias, grandes países, grandes personalidades, para nos mostrar quem realmente somos e qual o nosso lugar.

Hora de pensar no que realmente importa, de lembrar que não há riqueza, nem status, nem poder que possam salvar nossas frágeis vidas.

Hora de amar mais, de sermos mais solidários, de ampararmos uns aos outros.

Paremos de produzir armas, de construir muros, de levantar o punho para o nosso próximo, pois está provado que podemos sucumbir diante do mais ínfimo dos seres da natureza.

Pensemos, reflitamos, valorizemos o bem que não passa, a pessoa (qualquer pessoa) que está ao nosso lado e não sabemos por quanto tempo, as oportunidades que temos de sermos pessoas melhores enquanto podemos.

Esta é a verdadeira riqueza que a traça não corroi, que o vírus não destrói, pois provado está que os tesouros do mundo não passam de uma fragilíssima ilusão.

Se gostou compartilhe…

Powered by WP Bannerize

Deixe uma resposta