Prefeito se compromete em colaborar com operação que apura desvios na Prefeitura

NOTA PÚBLICA

Prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), afirmou por meio de nota que o secretário de assistência social e desenvolvimento humano, Wilton Coelho, deve colaborar com a Operação Ippon, deflagrada nesta terça-feira (27). Ele deve fornecer documentos e informações para facilitar o trabalho da polícia.

“A administração do município é a maior interessada no resultado da averiguação e, por este motivo, a Procuradoria Geral já está acompanhando o caso. Ele reforça que aguardará a finalização do procedimento para tomar um posicionamento concreto e adotar as medidas cabíveis em relação ao suposto envolvimento de funcionários da Prefeitura”, diz trecho do documento.

A operação foi deflagrada pela Polícia Judiciária Civil (PJC) e visa combater o desvio de recursos em projetos sociais da prefeitura que ocorreram na gestão de Mauro Mendes (DEM) e supostamente ainda ocorrem na gestão de Pinheiro.

De acordo com informações preliminares, um dos projetos investigados é o Simina, da Secretaria Municipal de Assistência Social e Desenvolvimento Humano, que foi estabelecido para oferecer atividades educativas, esportivas e culturais.

A denúncia aponta que uma das empresas que tinha contratos com a Secretaria de Assistência Social era de fachada. Os desvios seriam feitos por meio de convênios firmados pela prefeitura com o Instituto Mato-grossense de Artes,  Cultura e Desporto.

Segundo apurado, o instituto criava projetos que em tese beneficiariam crianças e adolescentes, mas há informações de que teriam sido usados para atender interesses pessoais, mediante a utilização de notas fiscais fraudulentas para justificação de verbas públicas.

Estão sendo cumpridos 5 mandatos de busca e apreensão na casa de funcionárias da Secretaria Municipal de Assistência e um deles na própria secretaria.

Confira a nota:

Sobre a operação Ippon, deflagrada na manhã desta terça-feira (27) pela Polícia Judiciária Civil na Secretaria de Assistência Social e Desenvolvimento Humano, o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, determinou que o secretário Wilton Coelho e demais servidores da Secretaria, colaborem com documentos, informações e o que mais for necessário ao trabalho da Polícia. A Pasta é alvo da operação Ippon, que investiga possíveis irregularidades nas últimas gestões. De acordo com Emanuel, a administração do município é a maior interessada no resultado da averiguação e, por este motivo, a Procuradoria Geral já está acompanhando o caso. 

Ele reforça que aguardará a finalização do procedimento para tomar um posicionamento concreto e adotar as medidas cabíveis em relação ao suposto envolvimento de funcionários da Prefeitura.

Fonte: GD (Ana Flávia Corrêa e Pablo Rodrigo)

Powered by WP Bannerize

Deixe uma resposta