Fábio Garcia recua de reeleição para ser suplente de Jayme ao Senado

Presidente do DEM em Mato Grosso, o deputado federal Fábio Garcia recuou de disputar a reeleição para ser o 1º  suplente ao Senado na chapa encabeçada pelo ex-senador Jayme Campos.

A informação foi confirmada na tarde desta sexta-feira (3) e chega como uma das surpresas do grupo que tem o ex-prefeito de Cuiabá, Mauro Mendes, como candidato ao governo do Estado.

Também será candidata como suplente de Jayme, Cândida Farias, mãe do prefeito de Barra do Garças, Roberto Farias, e viúva do ex- governador Wilmar Peres de Farias. Ela vai representar, como 2ª suplente na chapa, a região do Araguaia e interior do Estado.

De acordo com Jayme, a escolha se deu em razão da construção dos projetos prioritários do grupo a Senado e Governo. “Para mim é prazeroso ter o Fabio Garcia. Um jovem brilhante na política mato-grossense e que tem honrado a população. Da mesma forma, a dona Cândida. Estamos prestigiando a mulher. Não temos dúvidas de que vamos compor uma boa chapa, que vai encher de orgulho os mato-grossenses”, disse.

A definição ocorreu às vésperas da convenção do partido marcada para a manhã deste sábado (4) juntamente com as demais siglas que integram a chapa a exemplo do MDB, PDT e PSC que também participam da reunião neste sábado onde serão definidos e homologados os nomes que vão disputar as eleições de outubro deste ano pelo grupo de oposição ao atual governador Pedro Taques (PSDB).

De acordo com Fábio Garcia, seu recuo da disputa à reeleição busca auxiliar na campanha não apenas de Jayme Campos, mas principalmente do ex-prefeito de Cuiabá, Mauro Mendes. Fábio afirmou que será o coordenador da campanha. “O partido entendeu que eu ajudaria muito nesse projeto prioritário se fosse primeiro suplente do Jayme e ajudar na campanha de Mauro Mendes”, afirmou.

Ainda segundo Fábio, a decisão é definitiva e independente dos partidos que possam vir a compor com o grupo, como o PV e PP, que ainda não definiram apoio.

Garcia, que é afilhado político de Mauro Mendes e foi eleito deputado federal em 2014 pelo PSB, partido que também tinha o ex-prefeito como uma das lideranças, se filiou ao DEM em março deste ano após uma longa negociação com as lideranças democratas. Chegou ao partido já com espaço garantido para viabilizar sua candidatura à reeleição e para isso foi alçado à condição de presidente do Democratas no Estado e passou a percorrer o interior juntamente com Jayme, Mendes e outras lideranças do partido a exemplo dos deputados estaduais.

Fonte: GD (Karine Miranda e Welington Sabino)

Powered by WP Bannerize

Deixe uma resposta