Lucimar critica Pedro Taques e cita promessas não cumpridas

Até então isenta na disputa entre democratas e tucanos envolvendo as eleições deste ano, a prefeita de Várzea Grande, Lucimar Campos (DEM), resolveu na segunda-feira (16) acompanhar seu marido nas críticas ao governador Pedro Taques (PSDB). Tomando como exemplo o que disse Jayme Campos no final de semana, Lucimar cobrou promessas não cumpridas.

Durante entrega do anteprojeto da obra do Rodoanel, a prefeita fez um breve balanço da influência do governador para o município gerido por ela. “Realmente, algumas coisas ele [Pedro Taques] não cumpriu, como é o caso da Avenida da FEB e de alguns trabalhos que teriam com a saúde”, elencou. “O que não pode é dizer que pode ser feito e não fazer”, disparou.

Críticas semelhantes foram feitas por Jayme Campos no final de semana. Segundo ele, o Democratas foi “demasiadamente leal” e “não deve nada” ao governador.

Jayme e Lucimar, que costumeiramente pousavam ao lado de Taques em eventos públicos, agora defendem o projeto de Mauro Mendes (DEM) ao governo do Estado. No bloco ainda estão nomes como Carlos Fávaro (PSD), ex-vice governador, e outros “dissidentes” do governo tucano.

Resposta

Taques preferiu não polemizar o assunto. Disse apenas que as críticas são um “direito” do casal. Na avaliação dele, as obras em Várzea Grande se atrasaram por conta da crise econômica. “O ex-governador Jayme Campos tem a liberdade de falar o que pensa. Por mais que você faça pelo município de Várzea Grande, em razão da importância de Várzea Grande, sempre fica o desejo e a necessidade de fazer mais”, amenizou.

Powered by WP Bannerize

Deixe uma resposta