Empresa que administra a Salgadeira suspende cobrança para banho

Os turistas que visitarem o Complexo Turístico da Salgadeira, localizado na Rodovia Emanuel Pinheiro, MT-251, em Chapada dos Guimarães (67 Km ao norte de Cuiabá), não vão pagar para tomar banho de cachoeira nos primeiros meses de funcionamento. Segundo os responsáveis pela administração do Complexo, a medida visa atrair clientes e despertar o interesse público para que mais pessoas visitem o local. Não foi definido por quanto tempo essa gratuidade vai permanecer.

Inicialmente, a empresa LB Steak House, que administra o balneário, anunciou que cobraria o valor de R$ 5 por pessoa. Porém, agora o turista pagará apenas o valor do estacionamento, estimado em R$ 10 e a  consumação no local.

“Vamos manter a gratuidade por um período ainda não definido. Queremos que as pessoas conheçam o local e se sintam atraídas a voltar novamente”, afirmou Bruno Batata, um dos sócios da empresa que administra o local.

Mesmo com a isenção, a liberação do banho respeitará o limite de banhistas por hora, que é de 90 pessoas. O Complexo Turístico da Salgadeira funciona de terça à domingo, das 8h às 18 horas.

Além da cachoeira, os visitantes têm acesso à trilha, minimuseu e restaurante. As bebidas no local custam a partir de R$ 4, enquanto o prato de galinha com arroz ou Maria Isabel sai por R$ 15. O cardápio é recheado de opções, incluindo ventrecha de pacu e filé acebolado.

A Salgadeira conta também com loja de souvenir, playground, mirante na cachoeira, posto policial e rampas que garantem acessibilidade para cadeirantes.

Powered by WP Bannerize

Deixe uma resposta