Copa do Brasil terá Corinthians x Vitória e Palmeiras x América-MG; veja jogos

Além disso, fase de oitavas de final terá Cruzeiro x Atlético-PR e Santos x Luverdense; datas reservadas são: 25 de abril, 2, 9, 16 e 23 de maio

A Confederação Brasileira de Futebol ( CBF ) sorteou nesta sexta-feira, em sua sede no Rio de Janeiro, os oito duelos das oitavas de final da Copa do Brasil de 2018, que agora conta com os oito representantes brasileiros na Copa Libertadores deste ano, que são Chapecoense, Corinthians, Cruzeiro, Flamengo, Grêmio, Palmeiras, Santos e Vasco – eles entraram no pote A.

O troféu da Copa do Brasil de 2018 que será entregue ao campeão no dia 17 de outubro
CBF / Site oficial

O troféu da Copa do Brasil de 2018 que será entregue ao campeão no dia 17 de outubro

Além dessas equipes, outros três clubes entraram direto nesta fase da Copa do Brasil : o América-MG (campeão da Série B), Bahia (campeão da Copa do Nordeste) e Luverdense (campeão da Copa Verde) – estes se juntaram a Atlético-MG, Atlético-PR, Goiás, Ponte Preta e Vitória, que avançaram pelos mata-matas, no pote B. As datas reservadas para os jogos são: 25 de abril, 2, 9, 16 e 23 de maio.

Confira abaixo os duelos das oitavas de final:

Chapecoense* x Atlético-MG

Cruzeiro* x Atlético-PR

Vasco* x Bahia

Grêmio* x Goiás

Corinthians* x Vitória

Palmeiras* x América-MG

Flamengo* x Ponte Preta

Santos x Luverdense*

*Times que fazem o segundo jogo em casa

VAR nas quartas

A partir das quartas de final, ou seja, nos 14 jogos finais da competição nacional, a CBF implantará o árbitro de vídeo (VAR) para atuar na revisão de quatro situações: gol/não gol; pênalti/não pênalti; cartão vermelho direto indevido e identificação errada do jogador punido.

Novidades no Regulamento

O REC (Regulamento Específico da Competição) conta com duas novidades em relação à competição de 2017. Com o formato mantido, o torneio não conta com o gol qualificado em nenhuma das fases – em outras palavras, os gols marcados na casa do adversário não valem mais como critério de desempate. Outra mudança que atende ao pedido dos clubes é a data limite para inscrição de jogadores, que foi ampliada do dia 24 de abril para 30 de julho, antes das quartas de final.

Prêmio recorde

Em termos de premiação por desempenho, a Copa do Brasil será a principal competição a partir de 2018. Serão R$ 50 milhões destinados ao campeão, outros R$ 20 milhões ao vice-campeão, R$ 8 milhões aos clubes semifinalistas, além de R$ 4 milhões pela participação nas quartas de final, valores sem precedentes na América do Sul. Somando as cotas das fases anteriores ao prêmio pelo título, o campeão pode faturar até R$ 68,7 milhões, considerando que participe desde a primeira fase.

História da competição

A competição existe desde 1989 e até agora não deixou de ter uma edição em qualquer ano. Com sistema de mata-mata desde o começo, o torneio de 2018 contou com 91 times, sendo que 80 entraram na primeira fase e os outros 11 nas oitavas de final. Exatamente por isso, é considerada a competição mais democrática do País. Clubes de seis estados diferentes já a venceram.

Os maiores campeões da Copa do Brasil são Grêmio e Cruzeiro, com cinco títulos cada. Depois aparecem Corinthians e Palmeiras, ambos com três. Já Fluminense, Vasco da Gama, Santos, Atlético Mineiro, Internacional, Sport, Criciúma, Juventude, Paulista e Santo André somam uma conquista cada. Entre os clubes considerados grandes do Brasil, apenas São Paulo e Botafogo nunca conquistaram, mas já foram vice-campeões. Nesta edição, eles já foram eliminados.

Fonte: IG esporte

Powered by WP Bannerize

Deixe uma resposta