Moro manda prender Lula e dá até 17h de amanhã para o ex-presidente se entregar

Juiz da Lava Jato proibiu o uso de algemas no petista e deu prazo para entrega voluntária “em atenção à dignidade do cargo que Lula ocupou”

Juiz Sérgio Moro condenou ex-presidente Lula por crimes de corrupção e lavagem no caso tríplex da Lava Jato
Divulgação/Instituto Lula

Juiz Sérgio Moro condenou ex-presidente Lula por crimes de corrupção e lavagem no caso tríplex da Lava Jato

O juiz Sérgio Moro ordenou a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e deu prazo até as 17h desta sexta-feira (6) para o petista se entregar. O despacho do juiz da Lava Jato foi proferido às 18h desta quinta-feira (5), menos de 24 horas após o Supremo Tribunal Federal (STF) abrir caminho para a prisão de Lula ao rejeitar o habeas corpus de sua defesa.

“Não cabem mais recursos com efeitos suspensivos junto ao Egrégio Tribunal Regional Federal da 4ª Região. Não houve divergência a ensejar infringentes. Hipotéticos embargos de declaração de embargos de declaração constituem apenas uma patologia protelatória e que deveria ser eliminada do mundo jurídico. De qualquer modo, embargos de declaração não alteram julgados, com o que as condenações não são passíveis de alteração na segunda instância”, escreveu o juiz.

O próprio TRF-4 oficiou o juiz de Curitiba para determinar a execução da pena do ex-presidente. O ofício foi assinado pelo presidente da Corte, Leandro Paulsen.

Moro também determinou a prisão dos empreiteiros da OAS José Adelmário Pinheiro Filho (o Léo Pinheiro), e Agenor Franklin Magalhães Medeiros. Os dois também foram condenados na ação penal da Lava Jato sobre o apartamento supostamente comprado e reformado para favorecer o ex-presidente.

Fonte: Último Segundo

Powered by WP Bannerize

Deixe uma resposta