Jayme informa a Rodrigo Maia que é candidato a cargo majoritário

Ex-senador, ex-governador e atual secretário de Assuntos Estratégicos de Várzea Grande, Jayme Campos (DEM), decidiu comunicar oficialmente a executiva nacional dos Democratas em Brasília, que será candidato a um cargo majoritário nas eleições de outubro.

Ele deverá se reunir já nesta quarta-feira (7) -Véspera da Conferência Nacional do DEM – com o presidente da presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM/RJ) e o presidente nacional do partido, José Agripino (DEM/RN).

A candidatura de Jayme é vista com bons olhos pela cúpula nacional da legenda, que ensaia a candidatura de Rodrigo Maia à presidência da República. Com isso, o partido teria um palanque em Mato Grosso.

Nos últimos dias, Jayme Campos veme levando o tom nos discursos e entrevistas sobre uma possível candidatrura ao Palácio paiaguás. “Enfrento todo mundo, até o seo Raimundo. Não sou filho de pai assombrado”, disse o democrata nesta segunda-feira ao enfatizar que já foi governador e agora está muito mais preparado porque está com todos os filhos criados.

“Hoje estou de boa, estou preparado, mas não faço campanha de forma isolada”, ressaltou Jayme ao deixar claro que está conversando com “todo mundo”, o que inclui o vice-governador Carlos Fávaro (PSD), os deputados federais Carlos Bezerra (MDB) e Nilson Leitão (PSDB), o senador Wellington Fagundes (PR) e o próprio Pedro Taques.

Por outro lado, o presidente do DEM no Estado e líder do governo Pedro Taques (PSDB na Assembleia Legislativa, deputado Dilmar Dal’Bosco, já vem enfatizando que o compromisso da sigla com o governo atual é apenas nesta gestão, e que a sigla poderá disputar o governo, caso não seja valorizada.

“Hoje o DEM é um partido grande forte. E nós vamos nos fortalecer mais ainda para essas eleições. Então podemos sim ter candidatura própria [ao governo]. O nosso apoio ao governador Pedro Taques é para essa gestão. Sobre 2018, nós vamos decidir nas convenções. Agora é claro se o partido não for valorizado, nós podemos sim disputar com chapa própria”, disse o parlamentar.

Fonte: GD

Powered by WP Bannerize

Deixe uma resposta