Arcanjo tem R$ 250 milhões para receber e vai cobrar, avisa advogado

O ex-bicheiro João Arcanjo Ribeiro, que passou quase 15 anos preso e foi solto na última segunda-feira (26), tem cerca de R$ 250 milhões para receber de pessoas que tomaram empréstimos em sua factoring Confiança e vai cobrar esses valores. A informação foi dada pelo advogado dele, Zaid Arbid, em entrevista concedida ao programa Cadeia Neles, da TV Vila Real, nesta sexta-feira (2).

Conforme o advogado, o ex-bicheiro não tem motivos para perdoar as dívidas, usando como referência a oração do Pai Nosso, afirmando que o perdão será dado no “Paraíso” e que, enquanto estivermos na Terra, as dívidas terão que ser pagas. “Nós não estamos no paraíso! […] Quem está na Terra tem que pagar”, disse.

O representante jurídico de João Arcanjo Ribeiro afirma que os empréstimos foram feitos de forma legal e que, da mesma forma, as cobranças também serão realizadas, assim que a Advocacia Geral da União (Agu) liberar os documentos relativos aos negócios do ex-bicheiro, que foram alvo de investigações, uma vez que ele é réu na Justiça federal por crimes contra o sistema financeiro.

O advogado também explicou a situação trabalhista a que João Arcanjo foi submetido na decisão que o progrediu de regime fechado para semiaberto, com uso de tornozeleira eletrônica e que também dá a ele o prazo de 7 dias para encontrar um emprego e comprovar com registro na carteira de trabalho. Zaid Arbid afirma que mesmo sendo dono de várias empresas, o ex-bicheiro agora vai se dedicar à atividade de piscicultor. Sendo dono do próprio negócio, a defesa afirma que não precisará comprovar o vínculo trabalhista com carteira assinada, mas que comprovará na Jusitça o novo empreendimento do cliente.

Fonte: GD

Powered by WP Bannerize

Deixe uma resposta