Assembleia Legislativa estuda bloquear contas de MT

Um grupo de 11 deputados estaduais irá protocolar na próxima semana um documento junto ao presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, Eduardo Botelho (PSB), exigindo que seja solicitado imediatamente o bloqueio das contas do Estado diante dos atrasos no repasse dos duodécimos.

Um detalhe interessante é que os mais raivosos do grupo são justamente os parlamentares que compõem, em tese, a base aliada do governador licenciado, Pedro Taques (PSDB).

Somente em relação a 2017, o Executivo deve R$ 48 milhões ao Legislativo. Isto gera um “efeito cascata”, já que o poder acumula dívidas com atraso de até quatro meses com fornecedores.

Nos anos de 2015 e 2016, deixaram de serem repassados a Assembleia cerca de R$ 60 milhões. Ou seja, somente para o parlamento existe uma dívida de cerca de R$ 108 milhões.

Powered by WP Bannerize

Deixe uma resposta